• Pr. Adelcio Ferreira

Nem tudo que reluz é ouro


Graça e paz amados irmãos da IBPMG


O apóstolo Paulo assume a originalidade da mensagem ética de Jesus, destinada particularmente aos cristãos, mas, também a todas as pessoas que exercem alguma religiosidade: “tudo me é permitido, mas nem tudo me convém” (1Cor 6,12; 10,23).

Hoje vemos igrejas em que o diabo se assenta para assistir culto. Pessoas cristãs, pastores, lideres apenas tem o nome, porém relaxam suas vidas em um evangelho onde se batiza bêbados, fumantes, casais que moram junto etc.


Isso não é o evangelho de Cristo, e sim certa religiosidade racional, utilizando-se da cruz de Cristo para enganar, e relaxar os pecadores nas suas mazelas. Como já dizia Paulo, são inimigos da Cruz, em um contexto diferente de sua na época atual, porém são.


Aos Gálatas, Paulo diz: Foi para a liberdade que Cristo nos libertou (Gl 5,1). A liberdade é um dos elementos fundamentais de vida Cristã e do ser humano. Porém devemos vigiar para que essa liberdade não se torne escravidão novamente. Paulo valoriza a liberdade porem, chama a atenção para a compreensão, de que somente quem é vigilante, mantém sólida sua liberdade cristã e nela cresce.

Trabalhamos na área de libertação por anos, e sabemos o que uma liberdade conduzida por fora da correção da Palavra de Deus pode causar. Por isso meus irmãos como disse ontem na mensagem... Jesus não veio relaxar a Lei e estatutos de Deus. Nem veio trazer uma porta larga, por ser a expressão do AMOR de Deus. Apesar de muitos pensarem, salvo uma vez, salvo para sempre. Basta apenas confessar Jesus a frente de uma congregação e estarei com um passaporte para Céu, não é bem assim não.


Entrai pela porta estreita; porque larga é a porta, e espaçoso o caminho que conduz à perdição, e muitos são os que entram por ela; E porque estreita é a porta, e apertado o caminho que leva à vida, e poucos há que a encontrem. (Mateus 7:13-14).

É nesse contexto que mostramos ontem na Palavra de Deus, como zeloso de vós, com zelo de Deus. Muitos me dirão naquele dia: Senhor, Senhor, não profetizamos nós em teu nome? e em teu nome não expulsamos demônios? e em teu nome não fizemos muitas maravilhas? E então lhes direi abertamente: (Nunca vos conheci); apartai-vos de mim, vós que praticais a iniqüidade. (Mateus 7:22-23).


O interessante é que esses faziam sinais, expulsavam demônios, chamavam Jesus de Senhor. Porém nosso Mestre nunca os conheceu, apenas uma declaração de fé no Senhor não garante o acesso ao reino dos céus. (Nem todo o que me diz: Senhor, Senhor! Entrará no reino dos céus Mt 7.21). A bíblia nos ensina que após converter devemos produzir frutos dignos de arrependimento. Isso é um sinal de operação do Espírito Santo. Assista nossa mensagem Regeneração >> https://youtu.be/3lPUMreacaY?t=468


Sabemos que salvação é pela Graça de Deus, por meio da Fé em Jesus, e que nenhuma obra humana pode salvar o ser humano de sua condição de condenado ao inferno. Porque se introduziram alguns, que já antes estavam escritos para este mesmo juízo, homens ímpios, que convertem em dissolução a graça de Deus...Judas 1:4


Não é somente uma ação emocional, porem uma conversão na Bíblia nos fala muito sobre produzir frutos, vejamos:

Produzi, pois, frutos dignos de arrependimento; Mateus 3:8


Assim, meus irmãos, também vós estais mortos para a lei pelo corpo de Cristo, para que sejais de outro, daquele que ressuscitou dentre os mortos, a fim de que demos fruto para Deus. Romanos 7:4


Cheios dos frutos de justiça, que são por Jesus Cristo, para glória e louvor de Deus. Filipenses 1:11


Mas a sabedoria que do alto vem é, primeiramente pura, depois pacífica, moderada, tratável, cheia de misericórdia e de bons frutos, sem parcialidade, e sem hipocrisia. Tiago 3:17

E principalmente no contexto da carta aos gálatas que tinham se enveredado por palavras macias e destruidoras de falsos mestres: Mas o fruto do Espírito é: amor, gozo, paz, longanimidade, benignidade, bondade, fé, mansidão, temperança. Gálatas 5:22.


Cada qual dará conta da igreja (instituição) que Deus lhe confiou, e cada pastor terá que apresentar as ovelhas que lhe foram confiadas diz o escritor aos hebreus com alegria. Quem tem ouvidos ouça...


Retendo firme a fiel palavra, que é conforme a doutrina, para que seja poderoso, tanto para admoestar com a sã doutrina, como para convencer os contradizentes. Porque há muitos desordenados, faladores, vãos e enganadores... Tito 1:9-10.


Pr. Adélcio Ferreira - IBPMG


Canal no youtube >>https://www.youtube.com/channel/UCvnT-QDIDq61qBYowPRn9Iw

14 visualizações0 comentário